"As coisas mais difíceis de se ver são as que estão debaixo de nossos olhos." V. G. Rossi

Como mudar padrões mentais? A capacidade de transformar!

É comum em minhas andanças pelas empresas e nas relações humanas, ouvir que uma mudança é algo que quase sempre vem com “pesar”. Como se mudar fosse um processo sempre de dor e para poucos!
Mudar é quase que uma condição natural da nossa essência humana que esquecemos que compõe, parece que oferta certo charme para os profissionais realcar a enorme demanda que se tem para mudar... Para justificar muito vezes o que se quer manter.
Até considerando que o nosso movimento automático é de mudar e se adaptar, manter a mesma posição por anos a fio ou manter um comportamento que ja cumpriu seu papel, deve ser bem custoso e no mínimo sem graça.
Agora a mudança se realiza na mente através dos padrões mentais, grande responsável pela nossa forma de ser, agir e pensar!
O que faz a mudança ser mais simples para alguns e mais demandadora para outros?
1. Reconhecer que posso mudar, facilita!
Ter a consciência que nossa forma de pensar natural é com flexibilidade, nascemos com essa capacidade a “pura” habilidade disponível.
Às vezes por conveniência é interessante manter o que já é conhecido, por um padrão aprendido isso também pode ser interessante ou por falta de conhecimento que podemos mudar e experimentar.
2. Ter uma visão mais sistêmica e menos linear.
Quando consideramos que inexistem erros , apenas espaço para experimentar e realizar o que se quer, fica mais simples viver o novo!
Considerar cada experiência parte de um desenvolvimento maior, que cada etapa fortalece sua existência e todas as possibilidades, é uma forma bem bacana de viver o novo!
3. Levar a vida com leveza.
Uma atitude de leveza é diferente de uma postura leviana, existe às vezes um preconceito em ter uma vida com desafios só que gerenciando tudo com leveza. Ter uma atitude leve significa ter mais soltura para lidar com suas expectativas e com seu ser, sem se levar tão a sério.
Reconhecer que podemos rir de nossas próprias bobagens sem ferir nossa identidade é construir uma base para leveza, e posso garantir, seu corpo e coração agradecem!
Quero te convidar a praticar esses 3 simples passos para permitir-se novos horizontes  e descobertas, para viver a melhor parte que é a realização em abrir-se para uma vida leve e com mudanças fluidas!
É comum em minhas andanças pelas empresas e nas relações humanas, ouvir que uma mudança é algo que quase sempre vem com “pesar”. Como se mudar fosse um processo sempre de dor e para poucos!

Mudar é quase que uma condição natural da nossa essência humana que esquecemos que compõe, parece que oferta certo charme para os profissionais realcar a enorme demanda que se tem para mudar... Para justificar muito vezes o que se quer manter.

Até considerando que o nosso movimento automático é de mudar e se adaptar, manter a mesma posição por anos a fio ou manter um comportamento que ja cumpriu seu papel, deve ser bem custoso e no mínimo sem graça.

Agora a mudança se realiza na mente através dos padrões mentais, grande responsável pela nossa forma de ser, agir e pensar!O que faz a mudança ser mais simples para alguns e mais demandadora para outros?

1. Reconhecer que posso mudar, facilita!

Ter a consciência que nossa forma de pensar natural é com flexibilidade, nascemos com essa capacidade a “pura” habilidade disponível.Às vezes por conveniência é interessante manter o que já é conhecido, por um padrão aprendido isso também pode ser interessante ou por falta de conhecimento que podemos mudar e experimentar.

2. Ter uma visão mais sistêmica e menos linear.

Quando consideramos que inexistem erros , apenas espaço para experimentar e realizar o que se quer, fica mais simples viver o novo!Considerar cada experiência parte de um desenvolvimento maior, que cada etapa fortalece sua existência e todas as possibilidades, é uma forma bem bacana de viver o novo!

3. Levar a vida com leveza. 

Uma atitude de leveza é diferente de uma postura leviana, existe às vezes um preconceito em ter uma vida com desafios só que gerenciando tudo com leveza. Ter uma atitude leve significa ter mais soltura para lidar com suas expectativas e com seu ser, sem se levar tão a sério.Reconhecer que podemos rir de nossas próprias bobagens sem ferir nossa identidade é construir uma base para leveza, e posso garantir, seu corpo e coração agradecem!

Quero te convidar a praticar esses 3 simples passos para permitir-se novos horizontes  e descobertas, para viver a melhor parte que é a realização em abrir-se para uma vida leve e com mudanças fluidas!

 Sobre a Autora:

Dra. Márcia Dolores Resende, formada em psicologia e com formação completa em PNL (NLP Health Certification Training), Hipnose Ericksoniana e EMDR (Eye Movement Desensitization and Reprocessing), sendo treinada por profissionais que possuem uma grande experiência e um conceituado trabalho como: Robert Dilts, Suzi Smith, Tim Halbom, Steve Andreas, Teresa Robles e Dr. Stephen Gilligan.

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

IBC

banner-descubra-pnl-v3 ibc

Anúncios Google

IBC

banner-descubra-pnl-v3 ibc

Thalentos

thalentos 2014

Ideah

Instituto Ideah

Metáforum

metaforum2016